Últimas Notícias

Outubro  4, 2014
cancelamento palestra 05 de outubro  leia mais
Setembro  8, 2014
nota de falecimento  leia mais
Abril  28, 2014
Relatório Anual PAPAR 2013  leia mais
Março  28, 2014
  leia mais
Julho  31, 2013
FACEBOOK  leia mais

Vídeos

Videos

Na ABRA-SP você encontra uma série de vídeos educativos (com no máximo 16 minutos cada) onde você poderá aprender mais a respeito de sua doença. Veja um trecho de um dos filmes, suas sinopses e como adquiri-los.

Patrocínio

Jornal ABRA

Exercícios Respiratórios na Asma

Dra. Vera Lúcia Alves dos Santos
Diretora do Depto de Reabilitação Pulmonar da SBA-SP

No último dia 07 de junho, conversamos na nossa reunião mensal sobre exercícios respiratórios na asma, salientando a importância do treinamento físico. A fisioterapia tem um papel importante no acompanhamento dos pacientes asmáticos, auxiliando a equipe inter-profissional em várias fases do seu tratamento.
Existem diversos estudos comprovando a eficiência dos exercícios respiratórios, apesar do termo “exercícios respiratórios ou treinamento da respiração” ter numerosas interpretações dependendo da terapia, do terapeuta, da cultura e dos hábitos do local. Durante uma agudização da crise, o fisioterapeuta atuará principalmente quando existe um componente de hipersecreção, utilizando manobras de higiene brônquica e alguns aparelhos que geram uma pressão positiva expiratória e provocam uma vibração endobrônquica durante a fase expiratória, facilitando a remoção da secreção.
Em alguns serviços o fisioterapeuta também poderá utilizar ventilação não invasiva, ou seja, recursos que através de máscaras e aumento da pressão expiratória facilitam a reversão da bronquioconstrição. Discutimos também a importância do trabalho postural nestes pacientes, reequilibrando a contração e relaxamento dos grupos musculares que são mais prejudicados pela constância das crises. Concluímos que a fisioterapia respiratória está indicada para o paciente com asma associada a situações clínicas especiais, e os exercícios físicos indicados para todas as pessoas, desde que adequadas às condições clínicas e funcionais.